Sexta, 24 de Setembro de 2021
33°

Poucas nuvens

Itaú de Minas - MG

Política ICMS Cultural

Iepha-MG divulga pontuação definitiva do ICMS Patrimônio Cultural 2022

Itaú de Minas ficou em 22º lugar no ICMS Cultural na região

23/07/2021 às 10h17
Por: Marcos Claudino Fonte: Iepha
Compartilhe:
ICMS Patrimônio Cultural
ICMS Patrimônio Cultural

23/07 - Gestores municipais e a sociedade em geral já podem acessar a pontuação definitiva do programa ICMS Patrimônio Cultural exercício 2022. A tabela definitiva foi publicada no site do Iepha-MG (Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais) na última terça-feira (20). Neste ano, 822 municípios foram pontuados após análise feita por técnicos do instituto e Itaú de Minas obteve 5,59 pontos.

 

O município que obteve a maior pontuação na região foi Guapé, com 20,58. Depois estão as cidades de Pimenta (16,88), Ibiraci (16,73), Monte Santo de Minas (16,18) e São João Batista do Glória (15,17).

 

Capitólio (15,10) aparece em 6º lugar na região, seguida por Passos (14,01), Cássia (13,74), Alpinópolis (13,58), São José da Barra (13,29) e Bom Jesus da Penha (11,52).

 

Em 12º lugar está São Sebastião do Paraíso (10,82), seguida por Itamogi (10,75), Pratápolis (9,01), Doresópolis (8,95), Claraval (8,19), São Tomas de Aquino (8,11), Nova Resende (13,86), São Roque de Minas (6,64), Jacuí (5,87) e Fortaleza de Minas (5,63).

 

As menores pontuações na tabela do ICMS Cultural na região foram para Itaú de Minas (5,59), Delfinópolis (2,10), Carmo do Rio Claro (1,86), e Piumhi e Vargem Bonita, com 0,6 em cada.

 

De acordo com os resultados, Capetinga não obteve nenhuma pontuação no ICMS Patrimônio Cultural.

 

Em regime de teletrabalho desde o dia 19 de março de 2020, em função da pandemia de covid-19, técnicos do instituto analisaram fizeram um trabalho minucioso para chegar à pontuação definitiva. Em novembro, a classificação definitiva será encaminhada à Fundação João Pinheiro (FJP), instituição pública responsável por calcular os valores que serão repassados pelo Governo de Minas Gerais às prefeituras, ao longo de 2022.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias