Sexta, 24 de Setembro de 2021
33°

Poucas nuvens

Itaú de Minas - MG

Especiais Moradore de Rua

CRAS de Itaú de Minas e região promovem ações para proteger moradores de rua

As baixas temperaturas previstas para estes dias está mobilizando os Serviços Sociais dos municípios

29/07/2021 às 15h47 Atualizada em 29/07/2021 às 16h29
Por: jbbarbosa Fonte: Redação BNN/Redes Sociais
Compartilhe:
Geada
Geada

29/07 – Em Itaú de Minas, através do vice prefeito Matheus Vilela, fizemos contato com a Assistente Social do CRAS do município que nos informou que os membros da equipe estão engajados em várias atividades, inclusive neste momento, apesar de contar com equipe reduzida e sem deixar de atender as urgências.

 

Em relação as pessoas em situação de rua, a Assistente Social disse que está sendo realizado um plano de contingência para situações de baixas temperaturas, com o objetivo de minimizar os impactos das baixas temperaturas sobre a população de rua.

 

De acordo com as informações recebidas pela nossa redação,  “Como parte das ações está abordagens sociais mais intensa encaminhando as pessoas para acolhimento e ainda arrecadação de agasalhos e cobertores para doação para a população necessitada”.

 

Segundo a servidora do CRAS foi publicado um post no portal da prefeitura, grupos de Watsapp e redes sociais para mobilizar a comunidade para ajudar, “estamos recebendo os agasalhos e direcionando para aqueles que precisam. Lembramos que esta ação vem sendo desenvolvida desde o início do inverno, porém intensificada nesse momento.”

 

Na região todas as cidades estão promovendo ações para proteger as pessoas em vunerabilidade. Na noite desta quarta feira (29/07), A equipe da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, de São Sebastião do Paraiso, realizou uma ação em busca de pessoas em situação de rua, para poder oferecer abrigo durante a noite, que segundo a previsão, seria uma das mais frias do sultimos tempos . A ação deve se repetir nos próximos dias.

 

A secretaria ainda disponibilizou alguns números de telefones para que os moradores pudessem informar sobre o conhecimento de alguém que estivesse necessitando de ajuda, o contato com a equipe também poderia ser feito pelas redes sociais ou pelo telefone 199 da Defesa Civil.

 

Em Passos a SEDEST iniciou um plano de contingência para situações de baixas temperaturas, com o objetivo de minimizar os impactos principalmente sobre os moradores de rua. Estão sendo feitas abordagens mais intensas com encaminhamento das pessoas para acolhimentos. Está sendo realizado também uma campanha para arrecadação de agasalho.

 

No município de Cássia a Secretária de Desenvolvimento Social e Habitação, Olga Bastos, foi até a emissora de rádio da cidade para expressar a preocupação da pasta em relação aos moradores de rua.

 

A secretária disse que a partir das 21h00 ela mesma iria sair pela cidade para levar cobertores que foram doados pela igreja católica do município e pelo Lar São Vicente de Paulo, e que seriam entregues aos necessitados, também seria servida uma sopa que foi doada pela igreja presbiteriana local.

  

Para a Olga, apesar do município não possuir local para abrigar os necessitados, a pasta não estava de braços cruzados, mas fazendo aquilo que se podia no momento.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias