Sexta, 24 de Setembro de 2021
33°

Poucas nuvens

Itaú de Minas - MG

Região Fiscalização

Procon-MG autua 88% das agências bancárias fiscalizadas em 44 cidades de Minas

Agências em Itamogi e Pratápolis forma fiscalizadas

06/09/2021 às 10h26
Por: Marcos Claudino Fonte: MP/MG
Compartilhe:
Fiscalização em agências bancárias
Fiscalização em agências bancárias

06/08 - O Procon-MG, órgão do Ministério Público de Minas Gerais, completa dois meses do programa "Procon-MG em ação - Bancos" com dados relevantes. No período, foram fiscalizadas 151 agências bancárias, em 44 cidades de Minas, e 133 delas sofreram autuações. Ou seja, em 88% das instituições fiscalizadas havia falhas no relacionamento com o consumidor.

 

Nos dois meses de trabalho, foram registradas 585 autuações e as campeãs de problema são, pela ordem: falta de cadeira de rodas ou de placa que indique o serviço; placa informando a disponibilidade do Código de Defesa do Consumidor; não entrega de senha de atendimento; falta de cabines individuais e de atendimento prioritário para idosos. Na sequência, as maiores falhas apresentadas foram falta de divisórias onde circula dinheiro, falta de tabela de serviços essenciais, de cartão de crédito, desrespeito ao tempo de atendimento e falta de tabela de serviços prioritários, de acordo com levantamento feito pelos fiscais que atuam no programa.

 

As autuações devem ser convertidas em Procedimentos Administrativos pelos promotores das Comarcas atendidas. Segundo a promotora de Brasópolis, no Sul de Minas, Sumara Aparecida Marcal Soares, onde duas agências foram fiscalizadas e autuadas, a repercussão foi muito positiva no município. Ela contou que os fiscais chegaram quando as filas estavam grandes e constataram que as pessoas não tinham senhas. Ela instaurou dois procedimentos para apuração os fatos e responsabilização dos bancos.

 

Na região Sudoeste de Minas, foram fiscalizadas agências bancárias em Itamogi e Pratápolis.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias